Redução do INSS nos Condomínios

Os custos com Folha de Pagamento de funcionários, com INSS (Imposto Nacional de Seguridade Social), PIS e FGTS mais outros impostos que já vêm embutidos em contas de luz, água e telefone como o ICM acarretam entre outras despesas, um custo muito alto para se morar em Condomínio.

Imobiliárias de Londrina recomendam que tudo isso seja colocado na ponta do lápis já que o Condomínio é o Responsável Tributário em arrecadar e realizar o pagamento desses impostos.

Deve-se levar em conta o número de funcionários, a mão de obra autônoma utilizada, se contrata empresa prestadora de serviço, os valores das notas fiscais de serviços e compras, tudo isso para saber a Carga Tributária do Condomínio.

Quando o imposto incidir sobre o serviço tomado pelo Condomínio, o mesmo é responsável em reter (descontar do prestador) COFINS, INSS, IRRF e ISS.

Condôminos devem sempre se informar com o síndico se todos os impostos estão sendo pagos em dia a fim de evitar futuros transtornos, procure por imoveis londrina.

Outras situações que merecem atenção são aquelas relacionadas às horas extras e aos horários de almoço dos funcionários, pois caso não estejam regulares podem ocasionar grandes problemas no futuro.